Thursday, 5 June 2008

Lembrando o Dia do Meio Ambiente


Milagre dos Peixes - Milton Nascimento

Eu vejo esses peixes e vou de coração
Eu vejo essas matas e vou de coração à natureza
Telas falam colorido de crianças coloridas
De um gênio televisor
E no ardor de nossos novos santos
O sinal de velhos tempos
Morte, morte, morte ao amor
Eles não falam do mar e dos peixes
Nem deixam ver a moça, pura canção
Nem ver nascer a flor, nem ver nascer o sol
E eu apenas sou um a mais, um a mais
A falar dessa dor, a nossa dor
Desenhando nessas pedras
Tenho em mim todas as cores
Quando falo coisas reais
E no silêncio dessa natureza
Eu que amo meus amigos
Livre, quero poder dizer
Eu vejo esses peixes e dou de coração


3 comments:

wendel said...

eai amaral!! você também postou um lembrete sobre o dia mundial do meio ambiente.

muito legal o texto poético. foi tu mesmo quem fez ou utilizasse de licença poética? hehe

valeu parceiro.

Rodrigo Kammer said...

truta!
dá uma olhada no meu betacast, lá no meu blog...

valeu

Rodrigo Kammer said...

truta!
dá uma olhada no meu betacast, lá no meu blog...

valeu